O Cavaleiro dos Sete Reinos: Coleção com a Trilogia de Os Contos de Dunk e Egg

O Cavaleiro dos Sete Reinos: Coleção com a Trilogia de Os Contos de Dunk e Egg

O livro O Cavaleiro dos Sete Reinos conta as aventuras de Dunk e Egg no ano de 209 d.C., quase um século antes dos eventos das Crônicas de Gelo e Fogo.

É uma série de novelas escritas por George R. R. Martin que se passam nos últimos anos de paz em Westeros, onde os Sete Reinos estão unidos sob a bandeira Targaryen.

Servindo como prequels para a história principal, The Knight of Seven Kingdoms cobre a parte mais importante de dois personagens.

O cavaleiro andante Sor Duncan o Alto, lendário membro da Guarda Real, e seu fiel escudeiro Egg, futuro rei Aegon V Targaryen de Westeros.

Muitas pessoas mostradas nesse conto, além dos personagens principais Dunk e Egg, são insignificantes no contexto da história principal de Westeros.

Porém, eles trazem histórias e informações sobre a realidade dos mais pobres, a estrutura medieval desse universo, dos torneios de justas e revelam fatos inéditos dos bastidores dos Sete Reinos que irão influenciar direta e indiretamente os futuros acontecimentos da Guerra dos Tronos.

Se você, assim como eu, é fã da saga escrita por Martin, o Cavaleiro dos Sete Reinos é a oportunidade única de vivenciar fatos na história de Westeros que terão desdobramentos noventa anos depois, na Guerra dos Tronos.

 

Sinopse dos Contos de Dunk e Egg

Os Contos de Dunk & Egg

Os contos narrados em O Cavaleiro dos Sete Reinos tem lugar dois séculos após a conquista de Westeros por Aegon Targaryen e 90 anos antes dos acontecimentos da Guerra dos Tronos, os sete reinos vivem unidos e em relativa paz sob o reinado do Bom Rei Daeron em seus últimos anos.

Em Porto Real, na Baixada das Pulgas, um menino pobre tem uma oportunidade única: deixar a miséria na que vive para ser escudeiro de um cavaleiro andante.

O menino, Dunk, segue o cavaleiro por anos até sua morte. Dunk já adulto, decide tomar o lugar do cavaleiro andante e se torna Sor Duncan, o Alto.

Em busca de fama, pretende participar do torneio de Campina de Vaufreixo. É ali onde conhece o menino franzino de cabeça raspada, Egg, quem no futuro se tornará Rei Aegon, o Improvável.

O garoto maduro e aventureiro, mas com apenas 10 anos, mostra a Dunk que é mais do que aparenta ser e esse o aceita como escudeiro. Juntos eles saem em busca de trabalhos e aventuras por Westeros.

Dessas andanças nasce uma grande e verdadeira amizade entre Dunk e Egg. Amizade que durará pela vida toda e que vai influenciar o destino dos Sete Reinos no futuro, quando se tornarem personagens importantes no poder dos Sete Reinos.

 

Os Contos Inclusos em O Cavaleiro dos Sete Reinos

O Cavaleiro dos Sete Reinos é a edição do primeiro material complementar da saga As Crônicas de Gelo e Fogo publicado por George R. R. Martin, Os Contos de Dunk e Egg.

Originalmente essas histórias foram publicadas em antologias separadas que em 2014 foram editadas em um volume único para o público brasileiro pela editora LeYa.

Esses três contos foram escritos durante os intervalos entre a publicação dos livros principais para complementar a história principal, assim como a enciclopédia O Mundo de Gelo e Fogo.

 

The Hedge Knight – O Cavaleiro Andante – 1998

O Cavaleiro Andante

Pouco tempo depois da Rebelião de Blackfyre, a maior da história da dinastia Targaryen, o cavaleiro andante, Sor Arlan de Centarbor, morre.

Seu fiel escudeiro, Dunk, decide então tomar o lugar de seu mentor e competir como cavaleiro no torneio de Campina Vaufreixo.

No caminho ele conhece um menino de cabeça raspada chamado Egg. O garoto segue Dunk até o torneio e se torna escudeiro do cavaleiro.

No torneio de Vaufreixo, Dunk terá que sobreviver às justas e também à outras confusões em que vai se meter.

 

O Cavaleiro Andante foi escrito por George R. R. Martin durante a escrita do livro 2 A Fúria dos Reis. Este foi o primeiro conto escrito e publicado em 1998 na antologia Legends, organizada por Robert Silverberg. E foi publicado no Brasil na coleção O Cavaleiro dos Sete Reinos em 2014.

Legends incluía contos de diversos autores de fantasia, e o grande destaque da edição foi o conto de Martin. Muitos leitores começaram a procurar pelas Crônicas de Gelo e Fogo após a publicação desse livro.

 

The Sworn Sword – A Espada Juramentada – 2003

A Espada Juramentada

Um ano e meio depois dos acontecimentos no torneio, relatados no conto O Cavaleiro Andante, Dunk e Egg enfrentam uma seca logo após a Grande Praga da Primavera.

Dunk jurou sua espada à Sor Eustace Osgrey de Pousoveloz, e é induzido por ele a fazerem parte de um conflito sua vizinha, Lady Rohanne Webber.

Neste livro, os personagens, que agora tem uma relação claramente mais forte, terão que lidar com a Viúva Vermelha e os conflitos que remontam a Rebelião Blackfyre.

 

O conto A Espada Juramentada foi escrito entre os livros A Tormenta de Espadas e o Festim dos corvos. E é o segundo conto do livro O Cavaleiro dos Sete Reinos de 2014.

Este conto foi publicado na segunda edição de Legends em dezembro de 2003.

 

The Mistery Knight – O Cavaleiro Misterioso – 2010

O Cavaleiro Misterioso

Dunk e Egg deixam o Septo de Pedra e empreendem viajem ao norte de Westeros para oferecer serviço ao Lorde Beron Stark para afastar as rebeliões Greyjoy.

No caminho encontram a comitiva de Lorde Peake e são convidados para o torneio de Alvasparedes, que acontecerá durante o casamento Butterwell com Frey.

Dunk, considerando o Ovo de Dragão como prêmio, decide ir ao torneio. Essa decisão os coloca em um ninho de traidores, porém só percebem isso quando já é tarde demais.

 

O Cavaleiro Misterioso ganhou vida rapidamente no início da escrita do livro A Dança dos Dragões.

A história foi finalizada em novembro de 2005 e, apesar de muito interesse das editoras, só foi publicado em 2010, na antologia Warriors. No Brasil chegou ao público em O Cavaleiro dos Sete Reinos.

 

Próximos Contos de George R. R. Martin

Em uma nota em seu Blog Oficial, George revelou um cronograma de publicação de contos paralelos ao universo da saga principal, As Crônicas de Gelo e Fogo.

Ele revelou que pretende escrever de 12 a 13 contos narrando histórias secundárias com informações inéditas de seu universo.

Seu plano original era publicar cada conto individualmente e só quando estivessem completos reuni-los em um volume único.

Mas o fato de serem pequenos e serem muitos, se decidiu a publicar em pequenas coleções como O Cavaleiro dos Sete Reinos.